29
Jun
2020

Como obter a maior e mais gloriosa das vitórias

Testemunhos são a prova da veracidade da Palavra de Deus. Da mesma forma que os testemunhos são verdadeiros, a Palavra de Deus também é verdadeira, bem como tudo o que está escrito nela – inclusive o céu e o inferno.

Por isso, a Palavra de Deus nos instrui a deixarmos “todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia.” (ver em Hebreus 12:1). Entre esses “embaraços” se incluem pensamentos contrários à fé, maus olhos, malícia, intenções erradas, dúvidas, medos, ressentimentos, entre outras coisas. Essa é a razão pela qual, muitas vezes, as pessoas não conseguem progredir e alcançar os resultados que desejam: pois o pecado as aprisiona.

O Espírito Santo está sempre nos instruindo a nos entregarmos por completo. Quando perguntamos com sinceridade quais são as coisas pelas quais ainda estamos apegados, Ele nos mostra, pois enquanto estivermos apegados a estes “fardos pesados”, eles continuarão nos impedindo de avançar em nossa jornada da fé. E o pior de tudo: nossas almas estarão sempre correndo o risco de se perder.

Por esse motivo, é extremamente importante resistirmos e perseverarmos dia após dia. Embora não seja fácil, quando estamos no meio de uma batalha não podemos reclamar, murmurar, muito menos cair em tentação. Pelo contrário, devemos seguir em frente, persistir, confessar nossa vitória e crer que Deus recompensa aqueles que O buscam. Como aprendemos, devemos olhar para Jesus, para que possamos suportar os problemas que o mundo e o diabo levantam contra nós. Jesus é o Bispo de nossas almas; Aquele que suportou até o fim, mesmo enfrentando dores e dificuldades, e devemos fazer o mesmo. Esse é o segredo para conquistarmos e mantermos a nossa salvação. Sim, Ele quer que glorifiquemos Seu Nome, mas mais do que isso, quer salvar nossas almas. Ele é a Palavra e, enquanto mantermos nossa mente focada nEle, não seremos derrotados.

Quando Deus vê que temos ouvidos para Lhe ouvir, Ele assume o controle de nossas vidas, e essa obediência nos dá a audácia necessária para irmos à luta e conquistarmos. Não podemos permitir que o medo nos impeça de agir. Quando nos guiamos pela Palavra de Deus e estamos dispostos a sacrificar o que Ele nos pede, não há limites para as bênçãos que podemos conquistar. Na verdade, quando sacrificamos não perdemos, mas ganhamos, assim como aconteceu com Gideão! Deus nos torna testemunhos vivos, nos usa para resgatar outras almas e, o mais importante, nos concede a maior e mais gloriosa das vitórias, que é termos nossos nomes escritos no Livro da Vida.

Leave a Reply